seja bem vindo ao portal folha de piraju

Circulação: Cidades e Regiões das Comarcas de Piraju, Santa Cruz do Rio Pardo, Ipaussu e Avaré

Endereço: Rua Carlos de Campos 177 - Piraju/SP - CEP 18800-000

notícias

Voltar

Trecho de estrada do Funil após a Raposo recebe o nome de Dr Renato Rodrigues Tucunduva

Postado à, 7 dias atrás | 7 minutos de leitura

Trecho de estrada do Funil após a Raposo recebe o nome de Dr Renato Rodrigues Tucunduva
Nesta sexta-feira, 17, foi inaugurada com seu nome oficial a PRJ 259 estrada rural do Funil  que chama-se agora estrada municipal Renato Rodrigues Tucunduva no trecho de 7,9 quilômetros que vai da Raposo Tavares sentido bairro rural do Funil.  O descerramento da placa  aconteceu em meio a uma alegre e singela cerimônia preparada pela familia do laureado e amigos que estiveram presentes no local. Uma bandeira da cidade de Tucunduva  (RS) cobria a placa na medida e formato oficial que a própria família mandou confeccionar.
Além dos familiares a solenidade teve a presença de algumas autoridades como o vereador José Carlos Garcia (PV) autor do projeto de decreto municipal aprovado pela Câmara prestando a condecoração a Dr. Renato e ainda Lauro de Melo, presidente da Câmara e pré candidato a deputado federal Milton Monti de São Manoel que é amigo pessoal da família. Na live que a Folha gravou antes do descerramento da placa, o filho do homenageado, Dr. Renato Rodrigues Tucunduva Junior fez um breve relato englobando a trajetória da família de Dr. Renato em Piraju e região.
Ele também fez uma aspiração de que todos que transitarem naqueles 7,9 km de estrada possam trafegar protegidos  e amparados por Deus e sem que nada lhes aconteça. E ao final de seu relato leu uma oração que reproduzimos no final desta reportagem.
 
O Homenageado
Dr. RENATO RODRIGUES TUCUNDUVA, nasceu em Fartura, interior de São Paulo, em 25 de março de 1931, filho de José Rodrigues Tucunduva e Zeferina de Lima Tucunduva. Formou-se em 1950 na Escola Normal de Piraju, tendo sido orador da turma. No ano 2000, ocasião da comemoração de 50 anos de formados, recebeu o diploma de Honra ao Mérito do Colégio Estadual Nhonhô Braga. Fez o Tiro de Guerra em Piraju. Foi sócio e professor da escola de comércio de Piraju, aos 21 anos, onde lecionou Geografia humana, mercadologia, história econômica e administrativa do Brasil, elementos de economia política, datilografia, mecanografia e mais tarde lecionou sociologia na escola normal do instituto de educação coronel Nhonhô Braga. 
Casou-se em Piraju, com Ivette de Noronha Viana Tucunduva em 02 de fevereiro de 1954 onde constituíram família. Teve 5 filhos e 6 netos. Começou a vida como classificador de café e gerente na Exportadora de café Mellão Nogueira em São Manoel e em 1960 formou-se pela Faculdade de Direito de Bauru. Foi um dos idealizadores da I Festa do Café. Iniciou sua carreira como advogado em Piraju onde teve escritório na Rua 7 de setembro, 500. Foi proprietário de fazendas de café em Timburi, Sarutaiá e Fartura, e sócio fundador do escritório Tucunduva Sociedade de Advogados, hoje situado na Av. Paulista, 2200, 20º andar, em São Paulo, SP.
Escreveu o livro “80 anos bem vividos - casos, acasos e outros causos” e lançou-o em 2011 numa animada noite de autógrafos no dia do seu aniversário de 80 anos. Faleceu em 29 de abril de 2019, no bairro de Higienópolis, São Paulo, onde morava.
 
A oração que foi lida antes do descerramento da placa de denominação:
Pai Nosso Franciscano das Virtudes
 
Pai nosso que estais no céu santificado seja o Vosso nome e nos dai a graça de sermos humildes, venha a nós o Vosso reino e nos dai a graça de sermos generosos, seja feita a Vossa vontade assim na terra como no céu e nos dai a graça de sermos pacientes e sentirmos e demonstrarmos compaixão. O pão nosso de cada dia nos dai hoje e nos dai a graça de sermos decentes e de dirigirmos nossa vontade para a paz, para o bem e para o belo, perdoai nossas ofensas assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido e nos dai a graça de sermos mansos, alegres e de amar a todos, nos dai a graça de sermos moderados e não nos deixeis cair em tentação, mas livrai-nos do mal e nos dai a graça de ensinar-nos a Te amar sempre mais.
 
Este Pai Nosso das virtudes baseou-se no Pai Nosso dos pecados constante do livro Terceiro Abecedário Espiritual de autoria do frade Francisco de Osuna, Franciscano do século XVI.
 
A esposa do homenageado a Sra. Ivete Noronha Vianna Tucunduva também fez uma leitura impressionante de um poema que se segue:
 
A Idade se ser Feliz
 
Existe somente uma idade para a gente ser feliz
somente uma época na vida de cada pessoa
Em que é possível sonhar e fazer planos
e ter energia bastante para realizá-los
a despeito de todas as dificuldades e obstáculos
 
 
Uma só idade para a gente se encantar com a vida
e viver apaixonadamente
E desfrutar tudo com toda intensidade
sem medo nem culpa de sentir prazer
 
Fase dourada em que a gente pode criar e recriar a vida
A nossa própria imagem e semelhança
E sorrir e cantar e bincar e dançar
E vestir-se com todas as cores
E entregar-se a todos os amores
Experimentando a vida em todos os seus sabores
Sem preconceito ou pudor
 
Tempo de entusiasmo e de coragem
Em que todo desafio é mais um convite à luta
Que a gente enfrenta com toda a disposição de tentar algonovo, de novo,de novo e quantas vezes for preciso
 
Essa idade tão fugaz na vida da gente
Chama-se presente e tem apenas a duração
do instante que passa
Doce passar do aqui e agora...
Que quando se dá por ele, já partiu para nunca mais !
 
Geraldo Eutásquio de Souza