seja bem vindo ao portal folha de piraju

Circulação: Cidades e Regiões das Comarcas de Piraju, Santa Cruz do Rio Pardo, Ipaussu e Avaré

Endereço: Rua Carlos de Campos 177 - Piraju/SP - CEP 18800-000

notícias

Voltar

Furto de gado e maus tratos de animais autuados em Tatuí teria origem em Piraju

Postado à, 24 dias atrás | 2 minutos de leitura

Furto de gado e maus tratos de animais autuados em Tatuí teria origem em Piraju
A ocorrência em questão foi verificada  como FURTO DE GADO/MAUS TRATOS no MUNICÍPIO: TATUI/SP neste dia 16 de março na rodovia SP 127, km 112,5, bairro Barro Preto, mas apurou-se que teria sua origem no município de Piraju, área em que teria ocorrido o furto. Foi efetuado deslocamento em apoio a Viatura do Policiamento Rodoviário prefixo R05319, composta pelo Cb PM Milton e Sd PM David, para atendimento a ocorrência de furto de gado/maus tratos. 
Tudo começou com o transporte de 27 (vinte e sete) exemplares de gado bovino, em um caminhão VW 16170, apresentando carroceria com 6m de comprimento e 02 (dois) de largura, dividida em duas partes de 3 metros, com capacidade de acondicionamento para aproximadamente 10 (dez) animais, já denotando desta forma o transporte inadequado face ao confinamento dos animais em ambiente insalúbre pelo porta pequeno da carroceria e a falta de higiene.
 
No local foram abordados dois indivíduos, ambos qualificados, que ao serem indagados informaram terem sido contratados por uma pessoa,  vulgo “Alemão”, para efetuar o transporte do município de Piraju/SP à Mogi das Cruzes/SP, porém não souberam informar a origem dos animais, sendo em seguida conduzidos a DP de Tatuí, por onde a autoridade judiciária efetuou a lavratura do APFD, e elaboração o BOPC 635/2021 conforme o artigo 155º do Código Penal e 32º da Lei Federal de crimes ambientais 9605/98;
 
Em análise dos fatos foi verificado que 11 (onze) dos animais acima citados foram a óbito devido ao transporte inadequado somado ao longo trajeto e condições higiênicas inadequadas, promovendo a morte dos referidos animais, incorrendo desta forma o ilícito ambiental preconizado no artigo 29º da Resolução SIMA05/2021, sendo providenciado a lavratura dos autos de infração, em desfavor dos autores respectivamente, valorado para cada um infratores será R$ 111.000,00 (Cento e onze mil reais), salientando que os indivíduos permaneceram presos na Delegacia de Policia Civil à disposição da Justiça. Os animais que que permaneceram vivos, foram encaminhados a zoonoses e depois serão devolvidos aos proprietários.